7 de dezembro de 2008

Harry Potter: adaptação- apenas os dois primeiros



       Como assim? Bem, sou fã da famosa série de livros Harry Potter, escritos por J. K Rowling e desde criança eu já lia os livros, sendo esses livros parte de minha infância. Imagine como eu fiquei quando soube que seria lançado um filme. O primeiro achei muito bom, o segundo excelente (como adaptação e filme), mas daí em diante... desastres.
       Em Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban, o filme fica completamente humorístico, o que estraga totalmente a adaptação, porque é a partir desse filme que as coisas começam a ficar sombrias. As cenas de Dementadores, principalmente a final, ficaram muito boas, porém as cenas como a de Hermione falando: "É assim que meu cabelo fica de costas?" é completamente desnecessária. O terceiro filme foi um desastre.
       Em Harry Potter e o Cálice de Fogo a coisa começa a melhorar, mas nem tanto. Eu sei que filmes não podem seguir o livro 100%, mas as coisas essenciais também não colocam. Algumas cenas do labirinto do Torneio Tribruxo foram cortadas, como a aparição de esfinges e criaturas mágicas. E o que acontece: eles só precisam correr. A cena da morte de Cedrico Diggory graças à Deus não foi cortada, mostrando que o vilão de tudo: Voldemort, é sim poderoso e maléfico. O quarto filme é bom, mas ainda tinha muito o que desejar.
       Em Harry Potter e a Ordem de Fênix é outro desastre. Muita parte do livro foi cortada, mas poderiam ter colocado mais coisas, afinal o filme tinha apenas duas horas e dezoito minutos, enquanto o segundo filme tem quase três horas e o livro é muito menor. A atuação da atriz que faz Dolores Umbridge é perfeita! Você tem raiva dela a todo momento no filme, que é exatamente o que você sente no livro. A morte de Sirius: péssima. Não a atuação, como ele morre. Quando Sirius morre ele não é logo pego pela cortina, senão me engano, ele cai no chão e ai a cortina pega ele. A morte dele foi rápida e pouco dolorosa, o que deveria ser o contrário. A atriz que faz Belatrix Lestrange também faz uma bela atuação.
       Em notícias de sites, já mostram que o filme Harry Potter e o Enigma do Príncipe vai cortar partes e colocar coisas que não estão no livro, como a cena de batalha feita na A Toca. Outros rumores falam que o funeral do Dumbledore foi cortado para não ficar tão sombrio. Se esse é objetivo das coisas, fazer com que o filme fique menos sombrio, já estou vendo que a adapatação de Harry Potter e as Relíquias da Morte não será bom, afinal, o sétimo e último livro da série tem muitas mortes e até xingamentos. Harry Potter tem que se tornar adulto no filme, e não ser um Peter Pan da vida.

3 comentários:

Luciano Carneiro disse...

Concordo em partes...
Gosto dos dois primeiros filmes justamente por eles terem um clima descontraído de comédia dos anos 80. Mas, depois disso, a série fica sombria demais. Perde o clima gostoso de ver com a família e se torna uma experiência muito triste que não diverte, não faz refletir e nem nada. Não gosto dos últimos filmes não por terem comédia demais (porque não tem), mas por serem "sérios" damais, talvez...

Luciano Carneiro disse...

Concluindo: prefiro Harry Potter pro lado Peter Pan do que pro lado Stephen King

Felipe Gonçalves Guimarães disse...

Mas o filme tinha que começar a ficar sério. O filme demonstra como é difícil se tornar um adulto e encarar a realidade, mostrado muito bem no 5o filme.