27 de março de 2009

Legally Blonde The Musical- Patrcinhas se tornam estrelas



       Para quem já viu o filme saiba que o musical é bem diferente em sua história e claro, tem muitas músicas. Para quem não gosta de musicais com muitas músicas (pessoas que reclamam pelo tempo de Rent) nem perca seu tempo, porque tem quase duas horas de música e isso é normal em qualquer peça musical.
        Laura Bell Nudy (Elle) arrasa novamente (para quem não sabe ela fez a Amber Von Tussle no OBC de Hairspray). Sua voz é excelente e sua energia cativa a todos. Uma pessoa que quase rouba a cena (algumas vezes consegue) é Orfeh (Paulett) que é muito engraçada, ainda mais com a nova idéia do musical por ela ser viciada em irlandeses.
        Uma coisa que eu sempre falo: cenário de espetáculos musicais são ótimos. Hairspray, Rent, A Bela e a Fera, Wicked, Sweeney Tood e claro que Legally Blonde entra nesse grupo. As rápidas mudanças da casa das Delta Nu para o restaurante, depois o salão e depois outro cenário e tudo isso muito rápido é excelente e adoro isso em qualquer musical (até agora nenhum me decepcionou).
         O Musical também fala de uma coisa que qualquer filme/ teatro que se foca: batalha contra o machismo. O professor de Elle tenta seduzi-lá e a beija, seu namorado ( e todos) pensam que elas não é capaz de nada e acham ela burra. Mas também são homens (no caso, um) que a faz quebrar essas barreiras, Emmet, que ajuda Elle durante todo o musical.
        Um aviso bem claro: as pessoas que não gostaram do filme pelo fato de achar idiota e ridículo pelo o de Elle ser uma patricinha loira e depois entrar na faculdade mais difícil do EUA, do "Abaixa e levanta", e de outros fatores pode não gostar do musical. Entenda o seguinte: Legally Blonde passa uma mesma sensação que Mamma Mia!: felicidade contagiante, e isto está evidente no musical. Existem piadas de Elle espalhadas por toda a peça que fazem você rir, como se ela estivesse na faculdade para se divertir, mas finalmente ela percebe que ela pode ser uma mulher melhor.
        Músicas como "Find my way", "Oh My God!", So much Better", "Gay or European" são ótimas e contagiantes. As dançãs são principalmente focadas em street dance e em movimentos de líderes de torcida. Legally Blonde é um ótimo musical, para pessoas que gostam de filmes de patricinhas, pessoas buscando por seu verdadeiro amor e irlandeses.

5 comentários:

Mirella Santos disse...

Ja ouvi falar desse musical e por sinal muito bem mas eu não sei se eu ia gostar muito vc disse que pra kem gostou de Rent neh iria gostar ou pra kem naum gostou, alguma coisa do tipo, bem eu amo Rent mas legalmente loira é outra coisa mas eu vou procurar ver antes de julgar

FELIPE G2 disse...

eu disse que quem não gostou de Rent por ter muitas músicas poderia não gostar. Se você quiser o filme está par baixar nesse site:

http://www.megaupload.com/?d=Q7TLKDT9

Mirella Santos disse...

só por curiosidade esse é o filme ou musical?

FELIPE G2 disse...

Este é o musical da Broadway, com o elenco original..
=D

Mirella Santos disse...

ah soh pensei que fosse o filme