21 de abril de 2009

Cabaret- Apenas Liza e o Cabaret




        Sim, sou sempre do contra. Eu não gostei de "Cabaret", ao contrário de muitas pessoas que o adoram. Achei ele bem regular, vamos assim dizer.
        A história é sobre Sally Bowles, uma mulher que quer ser uma grande atriz. Nisso ela está na Alemanha nazista, tem um triângulo amoroso e fica direto na bebida, além de trabalhar no Cabaret (pego o nome do filme?) e tudo isso se passa durante a ascensão do nazismo.
                Vamos começar com a primeira coisa que eu não gostei do filme: não têm muitas músicas. Acho que do filme inteiro nós vimos cinco músicas, se não me engano. Tinha momentos que eu perguntava se o filme era realmente um musical, pelos seus grandes intervalos sem nenhuma música.
        Outra coisa que eu não gostei do filme: separar musical da história. Sempre vemos filmes como "Moulin Rouge", "Rent", "Chicago", "Hairspray" e Cia com músicas espalhadas por todo o filme, mas Cabaret é um excessão. A única parte cantada é quando todos estão, obviamente no único lugar artístico, o Cabaret. Não passou aquela mensagem de ser um musical. Parecia mais uma separação do que é história e de um show à parte.
        Uma coisa que eu gostei do filme foi a Liza Minnelli. A atuação dela está muito boa e ela é muito talentosa, além de ter uma boa voz. Imagine só em seu primeiro filme você já ganhar o Oscar? E ainda que sua personagem é bem engraçada.
        Mas de todas as coisas que se vê em "Cabaret", a melhor é o próprio Cabaret, afinal é o lugar no qual ocorre a única parte musical e é nela que vemos o "Mestre de Cerimônias", ou melhor: o apresentador do Cabaret. Este talvez seja o melhor papel de todo o filme, que passa aquela idéia musical e ainda, uma idéia liberal numa Alemanha nazista.
        No resto, "Cabaret" é medíocre, ou seja, está na média. Roteiro, dança, atores, história, personagens, etc. As melhores músicas são: a primeira, que se chama "Willkommen e a música "Money, Money". A grande duração do filme também é algo a se falar, principalmente se você não acha o filme tão atraente.

9 comentários:

Olive Tree Guitar Ensemble disse...

Hi, it's a very great blog.
I could tell how much efforts you've taken on it.
Keep doing!

Mirella Santos disse...

Êêê caramba comentários em outras línguas agora é?!
esse filme é tão bom que eu nunca nem ouvi falar
mas não é por isso que eu vou julgar um filme, tem muito filme que eu ja fiz isso e acabei gostando depois
mas pelo o que vc falou acho que o filme não é bom mesmo
parabéns Felipe já está parecendo um jornalista criticando filme

FELIPE G2 disse...

Mirella: Tava vendo só? O blog já é internacional....

Mas voltando...

não é que o filme é ruim. É que ele é bem regular e cansativo, mas os momentos que aparecem a Liza e o Cabaret são excelentes... Nossa não exagera. Jornalista? Eu? Nem morto! Prefiro ter meu blog. No jornal você não pode colocar algumas coisas porque não "pode". Aqui posso escrever sobre o que eu quero, sem ninguém para me encomodar..

Luciano Carneiro disse...

Um dos meus musicais favoritos. Obra-prima.

FELIPE G2 disse...

Luciano: Sério mesmo?

Mirella Santos disse...

Sorry if my blog don't have this
procurei na locadora e naum achei esse filme
ah foi mal aeh se naum gostou do joranlista

FELIPE G2 disse...

Mirella: Esse filme é difícil de se achar, por isso que foi baixado da internet... magina. Seria ótimo ser um jornalista pela publicidade, mas para poder me expressar prefiro o blog

Nicole disse...

mano,vc tem uma crítica nada contrutiva,só sabe reclamar!
ninguém tem a mesma opinião q vc,tanto q oq vc dis q é bom,PERDEU

Felipe Guimarães disse...

Nicole, concordo com vc. Essa crítica que fiz não foi construtiva, embora os de hoje eu já esteja progredindo. Eu sei que ninguém tem a mesma opinião que eu, por isso que esse é o meu blog, ou seja, minha opinião, e os comentários são de pessoas que tem outra opinião, como vc! ;D