28 de junho de 2009

MOMENTOS BIZARROS 3- Agora nas ruas...


Desculpe gente por não ter postado nesses últimos dias. Para explicar tudo, eu usarei mais uma vez este quadro com coisas que acontecem com minha pessoa que para minha pessoa, é completamente bizarro.

Vamos começar com o teatro. Uma amiga da minha irmã viu que estavam distribuindo ingressos para as peças A Bela e a Fera (172 ingressos) e A noviça rebelde (42 ingressos) de graça (adoro o som desta palavra) no dia 26, uma sexta-feira. Então eu e meus dois amigos fomos até dois pontos: o Theatro Municipal (que fica perto da Sé) e um Centro Cultural em Vergueiro (que fica na região). Saímos da casa do meu amigo ás 5:30 AM. Quando chegamos lá ficamos felizes que não tinha ninguém. Mas quem disse que era dentro do teatro? Foi quando vimos que tinha uma fila enorme no quarteirão. Ficamos na fila e depois de um bom tempo começaram a distribuir senhas para as pessoas. Foi assim que descobrimos que tinham 515 pessoas na nossa frente, e, que a primeira pessoa da fila tinha chegado ás 8:00 PM do dia anterior. Não conseguimos pegar os ingressos para a peça, então fomos para o outro Centro Cultural, mas este estava mais cheio ainda.
Assim
decidimos ir até a casa do meu amigo (Vila Madalena) e depois iríamos para o Shopping Bourbon Pompéia (que fica na Pompéia [oh!]), detalhe básico, a pé. Assim que chegamos lá (depois de andar muito) ficamos andando pelo shopping. Depois de ir para o shopping fui para a casa do meu primo/amigo (que fica na Sumaré, perto da Lojas Americanas) novamente a pé. O motivo de ir para a casa dele? Iríamos numa balada chamada Welcome to Paradise da qual falarei mais para a frente. Jogamos bola e depois fomos para a balada. Não paramos na balada, ficamos andando e andando e andando e andando, ah! E andando.

Resumindo: minha sexta-feira (sim, isso tudo foi num dia) foi praticamente andar das 5:30 AM até ás 5:30 AM do dia seguinte, ou seja, fiquei 24 horas andando. Eu não sentia meus pés já na ida até o Shopping Bourbon Pompéia e não senti ele durante um bom tempo. Só mesmo eu faço isso.

6 comentários:

FM disse...

Meus pés estão na mesma situação... mas estou dançando 3 dias direto... e ainda faltam mais 7...


=S

Mari disse...

hahaha
pelo menos vc vai ver as peças
eu n =/
uma pena

Luciano Carneiro disse...

Eu estava nesses momentos, eu vi, gente. Eu senti. Foi realmente sofrido, mas pelo menos a gente deu umas risadas (e não conseguimos os ingressos, buahh! - de qualquer forma vou assistir B&F ou A Noviça).

FELIPE G2 disse...

FM: Nossa, 10 dias andando e dançando? Por que tudo isso?

Mari: Infelizmente não consegui os ingressos para assistir as peças.

Luciano: Sofremos juntos não? Realmente demos boas risadas. Isso tinha que entrar para os momentos bizarros.

TODOS: Viram o Luciano? Tenho testemunhas...

Mirella Santos disse...

isso que eu chamo de vontade de ver uma peça de graça, nossa ainda foi pra festa depois que disposição pra "sofrimento"

FELIPE G2 disse...

Na verdade, eu tinha pensando que eu ia descansar antes de ir pra balada, mas meu amigo resolveu jogar bola...