17 de julho de 2009

HARRY POTTER E O ENIGMA DO PRÍNCIPE: PARTE 3- Continuação de Harry Potter como adaptação


Relaxaram? Tomaram um café, alguma coisa do gênero? Espero que sim, mas não se preocupem que esta parte será mais focada para o final do filme. Então se você não quer saber o que acontece no final do filme ou alguma surpresa que acontece, acho melhor você parar de ler agora. PARE! PARE! PARE! Tudo bem, eu te avisei.


Uma coisa que eu esqueci de falar da parte técnica e vou aproveitar para falar aqui: conseguimos ver claramente no filme é que o diretor David Yates mudou as cores principais do filme: das cores azuis vindas do quinto filme vamos para um verde mais escuro, indo algumas vezes para o preto. E só tenho uma única coisa para falar para o diretor: a única pessoa que consegue fazer isso bem feito é o Tim Burton. Yates é horrível, em tudo, mas falo dele depois. Mas estou apenas falando isso porque isso afeta a cena da caverna. Aposto que a ideia do diretor veio das cores das capas do livros americanos. Uma completa falta de criatividade.


Mas vamos para a cena da caverna. Esta cena eu gostei, mas o diretor deixou muito escura a cena e seria muito melhor se pudéssemos ver a face de Dumbledore quando ele está sofrendo, e, ele não coloca a cena deles fugindo da caverna. O diretor, desculpe a expressão, caga quando ele não explica como eles fogem. A cena seria essencial para explicar porquê eles vão para a torre de Astronomia e não para a sala do Dumbledore.


E finalmente vamos para a cena da torre de Astronomia. Para começar: enquanto os Comensais e Draco estão com Dumbledore, Harry se esconde no andar de baixo. PÉÉÉÉ! Harry se esconde embaixo da capa de invisibilidade. Primeiro erro. Depois o Snape surge e vê Harry e faz um sinal para Harry ficar em silêncio. PÉÉÉÉ! Eles não se encontram e a ideia (aut!) ficou ridícula. E para finalizar na cena que os comensais fogem não acontece nenhuma batalha.


Sim pessoal, não acontece nenhuma batalha, eles apenas fogem. Tinha uma, desculpe a expressão novamente mas eu necessito dela urgentemente, puta batalha que era essencial entre os comensais e os aurores, mas nada acontece. Eles simplesmente fogem. Ninguém impede eles.


E uma cosia que o FM falou e é bom ressaltar: nenhuma pessoa vai entender porque o Snape é o "Príncipe Mestiço". Por tanto eu explico, para isso que eu sirvo ("pelo menos pra isso" diria minha irmã": não lembro se era o pai ou a mãe ou pai de Snape, não importa, mas ele ou ela era um trouxa (um não mago). Desse modo, Snape é um mestiço, metade bruxo, metade trouxa.


E quando Dumbledore cai da torre ele fica completamente intacto. Uma das coisas que a J.K escreveu e não estava: o nariz dele não estava torto. Desse modo, ele estava realmente intacto. Uma pessoa que cai de uma torre daquela altura deveria estar muito mal, e quando digo muito mal, é muito mal.


E para os fãs da série eu tenho péssimo aviso de informar que é verdade que o funeral não acontece. E isso é ruim, porque, como vão explicar depois que a varinha do Dumbledore foi enterrada junto com ele? Por quê adivinha só pessoal? Não foi enterrada com ele, o que afetará o sétimo filme e o idiota do diretor fará outra mudança.


Entre essas e outras, Harry Potter e o Enigma do Príncipe é mais uma adaptção mal sucedida de Harry Potter, mas o filme é melhor pelo menos que o quinto e o terceiro filme, e, pode até ser considerado o melhor filme (como filme) da série. Seria bom se a saga Harry Potter continuasse com o Chris Columbus, que fez os dois primeiros filmes, que foram OS verdadeiros Harry Potter , invés desse idiota do David Yates. Esse sim é o maior assassino de toda a saga. Cuarón estava na na frente, mas como o Yates, desculpe a expressão, cagou em dois filmes, ele é declarado um PDADHP (Péssimo Diretor Assassino De Harry Potter).

7 comentários:

Mirella Santos disse...

não concordo com vc, cuarón fez um ótimo trabalho em Harry Potter, o livro do prisisoneiro de Azkaban é o mais sem graça que tem e ele fez um filme emocionante, na verdade cada diretor deu seu toque ao filme e se as pessoas se acostumarem a ver só os filmes e não lerem os livros vão perder muuita coisa, eu acho que esse é dos melhores livros, a batalha que tem no final (no livro) é muito boa, esqueceram também de colocar a Fleur no filme afinal como ele vai explicar ela ja casando com o irmão do Rony no início do outro... ele excluiu do filme muita coisa importante, pena... mas é uma pena mesmo que ele continue na direção

FELIPE G2 disse...

Como assim? Azkaban não é sem graça, foi o primeiro livro dark de hp, com os dementadores e o Pettigrew, e, o diretor transformou tudo numa palhaçada e jogou fora tudo o que o Columbus tinha feito, que foi nada mais nada menos do que seguir o livro, além do final do 3 que uma..., mas gosto é gosto e nãp se descute.
O sexto livro também é um dos melhores, mas prefiro o sétimo com certeza. E o mais chato pra mim o que as pessoas mais gostam: Ordem da Fênix...

Mirella Santos disse...

a ordem da fênix foi quase um tortura pra mim eu era pequena, mas ao mesmo que queria acabar de ler achava chato, mas Azkaban ainda foi melhor pq Harry aprendeu muita coisa e ele é sim o primeiro Dark, mas eu continuo achando esse livro sem graça, já falando de Chris eu digo que ele teve sorte pq ele dirigiu os menores livros e deu vida ao mundo de HP e isso ajuda muito por isso a maioria gosta dele, mas mil vezes ele do que esse David, na verdade até Mike Newell é melhor que ele
obs:todo mundo já discutiu comigo só pq eu não gosto muito desse livro, mas é gosto né?!

FELIPE G2 disse...

Mike Newell é o mesmo que fez o quarto filme, não? Eu gostei do quarto filme. Se o labirinto fosse igual ao do livro perderia o clima. O quinto foi uma tortura. Concordo com você.
=D

FM disse...

Fui citado no post *.*

hehehe =P

Bom.. Nem tinha me lembardo desse lance da varinha, realmente teremos mais uma mudança do sétimo filme. E como sétimo filme vai ser dividido em dois, significa q poderia ser muito mais fiel ao livro, porém já sabemos q não será =/

Sobre o melhor livro... Eu gosto do sexto e do sétimo juntos, acho q um completa o outro. E gostei da Ordem da Fênix (livro)... Achei legal ver o Harry um chato e adoro a Umbridge.

FELIPE G2 disse...

"Eu gosto do sexto e do sétimo juntos, acho q um completa o outro" Idem Fm.
"Achei legal ver o Harry um chato e adoro a Umbridge.". Idem novamente.
=D

Anônimo disse...

eu sempre odiei harry potter,mas,naum sei pq,resolvi ler o livro 1 pensei q naum dava p/ ficar melhor,estou lendo o 6 por tanto naum posso falar nada
mas sobre os erros dos filmes os diretores sempre arranja um jeito(pelo ou menos ate o 5)de fazer sentido e deixar muitoo massa.