12 de agosto de 2009

A MORTE LHE CAI BEM- Um show de atuações... ou quase isso

Não perca a cabeça
Sabe aqueles filmes que você pega na Sessão da Tarde da Globo na parte final e não descobre qual é o nome do maldito filme porque não aparecesse o nome do infeliz depois? Isso aconteceu comigo quando tinha visto um filme que o cara está segurando um líquido rosa e o deixa cair. Esta maldita cena que incomodou desde os sete anos. Mas descobri o nome do filme e o aluguei, ainda mais porque tinha a estupenda Meryl Streep: A Morte Lhe Cai Bem.

A história é sobre duas mulheres: Madelaine (Meryl Streep) e Helen (Goldie Hawn). Ambas lutam para conquistar o amor do cirurgião plástico Ernest (Bruce Willis), pra poderem manter a aparência física. Nessas desventuras, as duas conseguem achar um jeito de se tornarem imortais, mas acabam vendo que na verdade tudo pode se transformar num pesadelo, e, tentam levar Ernest para o mesmo pesadelo.

Olha, o filme se safa pela atuação de Meryl Streep (excelente, como sempre) e de Goldie Hawn (excelente também), porque o roteiro é muito óbvio, os efeitos, para a época, eram ótimos, renovadores, mas se alguém quiser alugar o filme agora pode até dar algumas risadas. Mas o que me irritou no filme foi o Bruce Willis. Sei lá, nunca gostei dele e nesse filme ele é um pateta de marca maior. Na verdade o filme é praticamente só da Meryl e da Goldie.


Entre essas e outras (antiga essa, não?), A Morte Lhe Cai Bem é um perfeito filme para a Sessão da Tarde. Afinal, pelo menos o filme tem boas atuações (exceto Bruce, cof cof) e da para tirar algumas risadas. Melhor do que assistir Em Busca do Vale Encantado XV ( sim, esse filme existe).

3 comentários:

FM disse...

Concordo com vc.

É um filme legal, mas nenhuma obra-prima da comédia.

E realmente, esse filme é das mulheres.

FELIPE G2 disse...

Com certeza, esse filme é delas!

Marina Luscher disse...

engraçado, uma cena desse filme tb me persegiu por anos...
mas a minha cena é aquela que a meryl cai da escada e fica com a cabeça virada pra trás.