6 de dezembro de 2010

FALANDO UM POUCO SOBRE OS JOGOS DE HARRY POTTER...

Uma franquia que começou bem...


Minhas férias finalmente começaram pessoal!! E quem diria, ao invés de estar vendo uma tonelada de filmes (acabei de alugar O Poderoso Chefão), ou ler um monte de livros (A Hora da Estrela e Entrevista com o Vampiro estão na lista de espera), o que eu realmente estou fazendo é jogando vários jogos antigos de PC. Vocês não tem ideia do quanto eu era viciado em videogame, chegava até a ficar três dias diretos jogando (porque tinha que devolver na locadora). Acordava, jogava, comia, jogava, tomava banho, jogava, jantava, jogava, jogava, jogava... Vocês entenderam! E num desses momentos nostálgicos, me deparei com os jogos de Harry Potter.


Os jogos de Harry Potter, pelo menos para computador, começaram sendo bem feitos. A Pedra Filosofal, pra mim, é um clássico, tanto que dos sete aos treze anos eu zerava o jogo em toda a virada de ano novo (explicação rápida: na primeira vez que zerei o jogo aconteceu a virada do ano). E o jogo, embora hoje tenha gráficos datados, era bem feito e era bom mesmo por causa dos desafios e pelo longo tempo que precisa para zerar. Era um Zelda mais fácil só que de Harry Potter!


Porém, com o passar do tempo, os jogos começaram a ficar menos desafiadores e cada vez mais bobinhos. Até o Prisioneiro de Azkaban o jogo era bem feito, tinha desafios (mas nada comparado com Pedra) e tudo o mais, porém com o O Cálice de Fogo, os jogos começaram a ficar porcos, mal feitos e parecia mais que você estava jogando vários mini-jogos do que realmente jogando um jogo do mundo de Harry Potter. O novo jogo da franquia,Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte 1, mostra exatamente isso. É um nojo!


Entre esses tantos jogos de Harry Potter, um bem divertido e que não pertence a franquia, históricamente falando, é o Harry Potter: Copa Mundial de Quadribol. Se nos primeiros jogos nós ficavamos com vontade de jogar cada vez mais e mais jogos de Quadribol (e precisava começar um novo jogo para isso), esse jogo é Quadribol puro e da melhor qualidade, feito no mesmo estilo que os primeiros jogos de Harry Potter.


Bem, a dica foi dada. Se você gosta de jogos que levam um tempinho para zerar, jogue Harry Potter e a Pedra Filosofal, mas fique longe desses novos jogos de Harry Potter. Agora estou adquirindo o jogo, só que na versão Lego (como fizeram para o Star Wars), que vai do primeiro ao quarto ano. Viciado? Eu? Imagina!

2 comentários:

Mirella Santos disse...

Eu joguei os primeiros, mas não sou mto de jogos. Vou ver como é esse assim que entrar de férias tbm e A Hora Estrela... tenho que ler pra minha prova final :s

Felipe Guimarães disse...

Mirella, pelo que eu li de resumo, A Hora da Estrela parece ser O livro brasileiro sobre fama. Parece muito teatro. Quero muito ler!