1 de dezembro de 2010

VAMOS PARAR COM A IGNORÂNCIA! SEU NOME É AIDS!

"Ah! Eu nunca vou pegar!". "É raro". Essas são normalmente as desculpas que as pessoas usam quando falamos de AIDS/HIV, mas o pior de todos é: "Ah! Só viado que pega isso!". Realmente, os homossexuais são um dos mais infectados pelo vírus, mas o problema da população é encarar o vírus como algo global. Muitas pessoas só encaram o vírus quando são infectados, principalmente os jovens (experiência própria. Vocês não têm ideia do que eu já ouvi...). Então nem preciso fazer o discurso de sempre né pessoal? Camisinha é tudo! Bem, quase tudo! Se for se drogar, pelo menos use outra seringa. Nada de "Círculo da Amizade". Até se for se drogar, se drogue com "responsa". E vamos continuando contra esse vírus!

3 comentários:

FM disse...

Ótima dica Felipe.

Vale alertar q atualmente o número de os homens de orientação heterossexual contaminados é mairo que o de homossexuais e de bissexuais.

http://i1.r7.com/data/files/2C92/94A3/2A20/214E/012A/24AD/9801/2C31/evolucaoAids_700x500%20%283%29.gif

Acho q essa mudança nas estátisticas se deu por esse pensamento de q Aids era só coisa de gay e por isso não se previniam.

Felipe Guimarães disse...

FM, disso eu não sabia! Mas sabia que 250 mil pessoas podem estar infectadas e não sabem (Happy Hour no GNT é cultural, viu?).
Com certeza que, por causa do preconceito e que só pega AIDS é gay, a doença se espalhou!

Fernando disse...

Fazer o teste é muito tenso. Porque se voce nao usa a camisinha, mas nao faz o teste, voce desencana - ou não. Mas quando voce faz o teste, voce vai ter um resultado, é a espera que a matadora. Depende do tipo de teste que voce faz, demorar até uma semana, então é um tempo ótimo pra voce refletir que errou ao nao usar camisinha.