26 de janeiro de 2011

TOP DOS MELHORES FILMES MUSICAIS DE 2010

E que exista um para 2011!



Eu estava pensando hoje de manhã com meus pequenos, porém ainda importantes miolos, que os famosos tops que rodeiam os diversos sites e blogs são coisas que deveriam sempre mudar com o tempo. Não deveriam ser coisas fixas. Aprendemos coisas novas com o tempo e nos sentimos diferentes com cada ano que se passa, com cada nova experiência de nossas vidas. Então vamos lá! Se preparem, pois ano que vem terá um novo top (na verdade, farei disso um marco para cada ano). E lembrando que esse top é somente de filmes musicais. Um será feito de peças, assim que eu assistir o suficiente para fazer uma lista!


Primeiro Lugar: Canções de Amor


Sim meus caros e provavelmente surpressos leitores, Rent: Os Boêmios saiu do primeiro lugar da minha "famosa" lista de musicais. Não se preocupem, pois ele ainda estará sempre no meu coração como o meu favorito. Porém, no ano que se passou, a influência que Canções de Amor teve comigo foi tremenda. Foi o primeiro filme francês que amei com todas as minhas forças e ainda o amo de paixão com suas músicas tão belas e profundas.


Segundo lugar: A Noviça Rebelde


Sempre quando a encantadora Julie Andrews canta o público fica de boca aperta. Afinal, a atriz possui uma belíssima voz. Atualmente e infelizmente a voz da cantora foi, vamos dizer assim, "estragada" por causa de uma operação e não é mais o que era antes. Porém os filmes marcam o seu talento. Na verdade, Julie Andrews não deveria ter recebido o Oscar como Mary Poppins, mas sim pelo seu papel em A Noviça Rebelde, feito um ano após ter recebido o Oscar. E era um pouco óbvio que a Academia não daria o prêmio para Andrews após ter recebido no ano passado. Além da voz da atriz, as músicas, a direção e a fotografia são estupendas!


Terceiro lugar: The Rocky Horror Picture Show


Com certeza um dos grandes filmes cults que vi no ano passado. Trash misturado com ficção científica, comédia, musical e muitos mais fazem desse filme um dos musicais mais estranhos e elétricos que existe. Claro, o episódio de Glee infelizmente não chegou as alturas do filme, mas a obra cinematográfica sempre estará presente com suas músicas e coreografias viciantes. É impossível (sei que não é, mas digo que é impossível) alguém não se divertir com Time Warp.


Quarto lugar: Moulin Rouge


Esse musical, por outro lado, subiu e bastante em relação ao outro top que cirei há um bom tempo. Mas é a realidade. Enquanto Rent reinventava a Broadway no final dos anos 90, Moulin Rouge reinventou o musical no cinema. Embora não tenha recebido o Oscar que merecia, afinal, o gênero musical estava esquecido, como dariam o prêmio de melhor filme para um? Claro, para compensar depois, algo que a Academia adora fazer, deram o prêmio para "Chicago". Mas não importa. Com ou sem prêmio Moulin Rouge foi um dos grandes marcos dos anos 2000 para o cinema.


Quinto lugar: Um Violinista no Telhado



Conhecia A Noviça Rebelde por causa da minha mãe. Claro, quando eu era pequeno não conseguia ler as legendas, embora soubesse Dó-Ré-Mi de cor, mas o que mais gostava do filme era a cena do teatro, e na época nem sabia o que era nazismo. Entendam: eu era uma pequena criança inocente (agora vocês fazem o famoso "Ohhhh..."). Mas ainda bem que isso passou e cresci e agora sei muito bem o que aquela suástica significa. Mas não estou aqui para falar dela. Como eu falei: eu cresci e descobri no ano passado essa obra-prima que é Um Violinista no Telhado que me traz uma mesma sensação quando assisto Noviça Rebelde. Ambos feel good movie de musicais!


Sexto Lugar: Rent- Os boêmios


Claro, mesmo não estando no primeiro lugar, Rent continua na lista dos meus tops musicais. Embora não esteja viciado como no ano em que o conheci (juro, Seasons Of Love deve ser a música que eu mais ouvi na minha vida, pois ouvi a música durante dois anos todos os dias) eu continuo vendo de vez em quando o especial da Broadway ou o filme mesmo. Mesmo não sendo um filme pefeito, Rent ainda é meu musical favorito por suas letras tão bem escritas.


Sétimo lugar: Gypsy


Em 2010 eu praticamente consegui uma relíquia. Fui lá no meu bom e velho amigo chamado, tosse, Mercado Livre, e achei o VHS desse fabuloso filme com a Bette Midler. E claro, sendo fã da atriz (não sou bem um fã, mas a adoro desde que a conheci na minha infância com Abracadabra) e com o musical em cartaz em São Paulo eu não podia deixar minha chance escapar. Rose's Turn foi provavelmente a música mais ouvida de 2010. Sem falar que deve ser o melhor filme para TV que já vi.


Oitavo lugar: Hair


É com o tempo que assistimos aos filmes e aprendemos sobre o que eles falam. Mesmo tendo matado os hippies que eu imaginava, pessoas da paz e do amor, Hair me ensinou que os hippies eram apenas pessoas normais, que fazem as mesmas ações que qualquer ser humano. Mesmo sendo completamente diferente da obra teatral, o filme é um grande fenômeno para nos trazer paz interior. Assim como Rose's Turn, Let The Sunshine In foi uma das minhas músicas mais ouvidas de 2010.


Nono lugar: Judy Garland


Ok, não é um filme, mas é um Top honorário, como fazem direto no Oscar quando percebem a cagada que fizeram. Mas aqui é diferente. Embora tenha começado baixo, essa posição pode subir facilmente. Entendam: esse lugar é uma honra minha para a Judy Garland. Nasce uma Estrela, O Mágico de Oz, Desfile de Páscoa, esses são os poucos filme que vi com a atriz, mas que marcaram com certeza por causa de sua incrível voz e talento. E olha que para ficar em nono lugar numa lista de filmes, isso sim é talento!


Décimo Lugar: O Corcunda de Notre Dame


Mesmo vendo poucas vezes por ano, Corcunda continua sendo o meu filme favorito da Disney. Como falei numa postagem recentemente, a versão brasileira consegue ser superior até do que a original, trazendo uma energia bem maior do que a fornecida pelo grande Stephen Schwartz de Wicked. Um grande filme com grandes músicas que ficam não apenas na cabeça, mas na vontade de cantar.


E é isso pessoal. Sei que deixei muitos clássicos e outros musicais fora dessa lista, mas quem sabe? Ano que vem posto novamente um novo top com outros musicais que podem entrar para a minha história. E os piores musicais? Bem, posso criar um post facilmente sobre isso também. Afinal, falar mal é a coisa mais fácil que existe. Difícil é falar coisa boa.

5 comentários:

Luciano Carneiro disse...

Uau, adorei a lista e adorei o fato de vc assumir que nós estamos em constantes mudanças e em constante amadurecimento, portanto essas listas de "mehores" também sofrem mutações. Fico feliz também que Canções de Amor esteja lá no topo, já que esse não é apenas um dos meus musicais favoritos, mas também um dos meus filmes favoritos, ponto, de todos os tempos. É sobre amor pela "beleza do gesto", sem precisar explicar ou classificar. Também acho legal que, com o passar do tempo, Hair tenha crescido no seu conceito; já que houve uma época em que vc odiava o filme, depois passou a gostar; e hoje, veja só, ele está no seu top. Só não entendo muito a comparação de Noviça com Violinista no Telhado. São filmes tão opostos. Um tão conservador, tão contra a corrente das mudanças, e o outro justamente sobre ruptura, sobre tadições quebradas. Em uma lista minha, não faltariam: Cabaret, Cantando na Chuva, Hair, Moulin Rouge, Sweeney Todd, Across the Universe, Canções de Amor, Evita, West Side Story e Rent. Esses, principalmente, mas não nessa ordem.
Um abraço!

Diego Lanza disse...

Cade Cantando na chuva? rsrs... Um GRANDE clássico! É muito bacana como eles trabalham a idéia do cinema com som... é Genial!

mas adorei a idéia de 'tops' moveis. Não dá pra ficar escolhendo o melhor de todos os tempos...

Kahlil Affonso disse...

rocky horror e sound of music


http://filme-do-dia.blogspot.com/

Felipe Guimarães disse...

Luciano, pois é amiginho, viu como as pessoas mudam? Ah sim! "Canções de Amor" tinham que estar lá em cima! Hair ainda estou processando, mas está indo! Nunca odiei o filme, só falei que eles matavam meus hippies! Quanto a Violinista, falei pra vc no shopping as semelhanças. Quanto aos musicais que vc falou, quem sabe ano que vem eles não aparecem por ai!?

Diego, pois é! Cadê "Cantando na Chuva?". Acho que ano que vem esse filme entra na lista, espero. Não dá para escolher apenas os melhores, pois eles sempre mudam!

Kahlil Affonso, cult's demais! hahaha

NomaD disse...

Canções de Amor,
Rocky Horror,
ReNt
São meus preferidos,embora eu curta todos que estão na lista!!! ;)