30 de maio de 2011

GLEE ACABOU DO MESMO MODO QUE COMEÇOU SUA SEGUNDA TEMPORADA

Ele gostou da gente. É o que importa!


Alguns de vocês devem se lembrar de que eu tinha reclamado que a segunda temporada de Glee não tinha começado nem um pouco bem e permaneço com essa opinião. Mas depois comentei várias vezes no twitter como a série estava voltando a ficar boa, ainda mais com o retorno do ator Jonathan Groff no papel de Jesse (mesmo que alguns não gostem do personagem, a voz do ator é de longe melhor que a de alguns atores do elenco de Glee). Mas o eis que Glee chegou ao final com uma segunda temporada nada agradável.

Vocês conseguem se lembrar de como foi o último episódio da primeira temporada? O Vocal Adrenaline ganhou do New Directions com a excelente coreografia e performance de Bohemian Rhaphsody e o Glee Club voltou de mãos abanando. E esse ano eles conseguiram chegar as Nacionais dos piores modos - incluindo um empate - e uma história que às vezes era agradável, como a de Kurt-Blaine e de Santana-Britney. Mas alguém consegue me explicar o retorno de Finn e Quinn? Acho que nenhum homem com conciência voltaria a namorar uma mulher que fingiu estar grávida do seu filho.

E se no último episódio da primeira temporada Glee fechou com chave-de-ouro, esse season finale foi um big EPIC FAIL. Nem mesmo o Vocal Adrenaline recebeu uma espetacular apresentação. Foi um episódio morno que trouxe pelo menos algumas novidades, como o surgimento de um novo casal e um número digno e emocionante: For Good. E claro, teve também a simpática, porém desnecessária, aparição de Patti Lupone.

Mas será que Glee continuará nesse vai e vem de episódios sem razão de existir (como o episódio do "festival do coral" que tinha apenas quatro pessoas no auditório) e outros bem feitos? Creio que sim. Sem concorrência, a série de Ryan Murphy segue adiante fazendo o sucesso que faz, mesmo que a audiência esteja caindo. Pena que isso esteja acontecendo. Nada do que concorrência para fazer o cérebro do criador da série funcionar, ainda mais como o fato de que o elenco não voltará para a quarta temporada e a série pode perder muitos fãs com essa troca. Agora, já recebemos a informação de que o Steven Spielberg está com uma série musical em mente. Será que Murphy finalmente conseguiu um concorrente? Assim espero!

4 comentários:

FM disse...

Tb espero, Felipe.

Glee perdeu muito netsa temporada. Tivemos alguns episódios bons, mas no geral a temporada deixou a desejar.

Eu tenho a cisma de que temporadas ímpares são as melhores, estão espero que a terceira seja, no mínimo, tão boa quanto a primeira.

Mas pior q acho q a Sue não volta mais para a série, o que para mim tira 50% da graça de ver Glee.

Luciano Carneiro disse...

Meu problema com Glee nem é tanto com os momentos de vergonha alheia, mas sim com a quase ausência de amadurecimento dos personagens. Quer dizer, a Queen, que era a popularzinha e líder de torcida, engravidou, teve que optar por doar seu bebê pra adoção, etc etc, pra logo depois, na próxima temporada, voltar como... uma líder de torcida patricinha, etc. E os casais que vão e vem tbm me irritam. A gente nunca sabe quem tá namorando quem, não há envolvimento amoroso algum. A única coisa legal dessa temporada foi a Santana ter se assumido (pelo menos pra si) lésbica. Foi a grande mudança, a grande difereça. De resto, nada muda, a história não vai pra frente. Continuo gostando, continua sendo legal, mas mais do que nunca Glee tá virando um grande videoclip com algumas gags e mensagens positivas no meio. Mas e a história, cara pálida? E o desenvolvimento dos personagens?

Carissinha disse...

Não gostei do jeito que a temporada acabou. Acho que Glee avança e retrocede o tempo todo e isso irrita. Também acho que não aproveitam o Groff, que é um excelente ator e cantor.

Beijos!!

Arte Around The World

Mirella Santos disse...

Final foi bem ruim mesmo. nada comparado ao final da primeira temporada. Bohemian Rhapsody é clássica demais em Glee, pra mim a melhor performance já feita e até pq eu adoro Jonathan Groff. Ainda com ele voltando e sendo usado com pano de fundo a série só tendeu a declinar, poucos foram os episódios que gostei por completo. Espero que tenham uma boa terceira temporada ao menos.